Sistema de selagem

  • English
  • Русский
  • Español
  • Português

Imagens

Sistema de selagem

Sistema de selagem

Sistema de selagem

O que é um sistema de selagem?

Bombas com selos mecânicos que vedam eixos rotativos são usadas em muitas indústrias, começando pelas bombas para aquecimento residencial e para a indústria de alimentos até as usinas petroquímicas e nucleares. Uma vez que um selo mecânico é um dispositivo com peças que se desgastam, a menos que receba manutenção de tempos em tempos, acabará falhando.

A falha em um selo mecânico significa, na maioria dos casos, o vazamento do fluido bombeado para o exterior. As consequências podem variar. Algumas vezes não há problema em uma bomba vazar até que alguém perceba. Mas algumas vezes isso significa um incêndio potencial, por exemplo se uma bomba está vazando gasolina. Como um de nossos clientes, de uma usina petroquímica, gosta de dizer, "O que estamos dirigindo aqui não é uma fábrica de chocolate!" - o que significa que se algo ruim acontece, o fluido que sairá para fora não será chocolate quente, mas alguns hidrocarbonetos muito perigosos.

É por isso que os selos são frequentemente usados com os chamados sistemas de selagem - para alertar o pessoal sobre um problema e possivelmente desligar a bomba para reparos, e para prevenir e minimizar os vazamentos para a atmosfera, mesmo se o selo houver falhado. Agora, como isso é possível?

Existem vários planos de lubrificação possíveis, como são chamados no padrão API 682.

O sistema de selagem Plano 65 para um selo mecânico simples (primeira imagem no alto) irá coletar os vazamentos em um pequeno reservatório que é conectado com um dreno especializado. O reservatório tem um orifício na saída. Uma quantidade pequena aceitável de vazamento passará pelo orifício e sairá pelo dreno. Se a taxa de vazamento for grande o suficiente, o orifício se tornará uma obstrução e o nível do reservatório começará a subir, enviando um alarme a um painel de controle.

O sistema de selagem Plano 52 para selo mecânico em tandem (segunda imagem a partir do alto) provê um reservatório maior, algo entre 2 e 5 galões, o qual é preenchido com fluido de reserva. O fluido de reserva geralmente é óleo mineral ou uma solução de álcool. Um selo em tandem possui um par de faces de selagem de reserva externo, as quais assumem a pressão se o selo interno primário começar a vazar. Mas antes disso, o fluido de reserva é necessário para lubrificar o selo externo. O fluido de reserva é completado até um certo nível e geralmente mantido sob pressão atmosférica. Se o selo primário falha, o produto bombeado irá vazar para dentro do circuito do fluido de reserva, elevando o nível e/ou a pressão no reservatório. (Isto acontece, é claro, se a pressão na câmara do selo é superior à pressão atmosférica). Uma mudança na pressão ou nível é detectada facilmente pela visão ou por transmissores. E, o que é muito importante, a menos que o selo externo falhe também, o produto jamais escapará para a atmosfera.

O sistema de selagem Plano 53 para selo mecânico duplo é similar ao Plano 52, mas o sistema é pressurizado acima da pressão da câmara de selo. De forma que, na eventualidade de uma falha do selo, o fluido de barreira vaza para dentro da bomba. O fluido de barreira poderá escapar para a atmosfera, caso o selo externo vaze, porém este fluido é selecionado para não produzir quaisquer danos.

O Plano 53 tem vários tipos, 53A, 53B (terceira imagem a partir do alto) e 53C. O 53A é o mais simples. O 53B está se tornando mais popular atualmente. Vamos compará-los:

 

Plano 53B vs Plano 53A

O Plano 53B é recomendado quando a pressão do fluido de barreira é acima de 10 bars, para evitar o problema da dissolução do nitrogênio no fluido de barreira. No Plano 53B o fluido de barreira e o nitrogênio são separados fisicamente por um balão elastomérico.

Enquanto um sistema Plano 53A é muitas vezes mais barato e é muito usado em aplicações de baixa pressão, o Plano 53B é uma necessidade em pressões mais elevadas. Caso uma unidade de abastecimento automático seja adicionada ao sistema 53B, ele se torna muito parecido com o sistema Plano 54.

O sistema Plano 54 para selos mecânicos duplos é funcionalmente similar ao Plano 53, porém um selo mecânico não possui um impulsor. O fluido de barreira é circulado pela bomba do sistema de selagem. Um exemplo típico de aplicação seria um certo número de misturadores / agitadores com selos duplos e um sistema Plano 54 centralizado. Um eixo de misturador pode girar muito lentamente, de forma que a circulação do fluido depende muito mais da bomba de circulação do que do impulsor do selo.

Também existem outros tipos de sistemas de selagem. Recomendamos a escolha do sistema de selagem mais simples que atenda suas necessidades porque, na atualidade, os sistemas de selagem tendem a se tornar extremamente complicados e a custar mais do que os próprios selos mecânicos.

 

Consulte também: Sistemas de selagem oferecidos pela TREM Engineering